quinta-feira, 3 de janeiro de 2013

Piaui não tem estrutura para apurar denuncias contra Magistrados.

Corregedor nega avocação de processos disciplinares do TJPI

Cerca de 238 procedimentos administrativos instaurados contra magistrados do Estado do Piauí, fez com que o Desembargador Corregedor Geral do Estado pedisse ao Ministro Corregedor Nacional do Conselho Nacional de Justiça a avocação desses processos, pois argumenta  que não dispõe de estrutura para julgá-los em 180 dias.

O Ministro negou o pedido e solicitou ao Presidente do Tribunal de Justiça que forneça ao Corregedor a estrutura mínima necessária. Com isso, o Ministro lavou as mãos e provavelmente nenhuma denuncia será apurada em tempo hábil.

Claro fica que ao contrário da Ministra Eliana Calmon, o atual Corregedor do CNJ não pretende apurar no afogadilho comportamento suspeito de Magistrados, sejam eles da Justiça Federal, sejam dos Tribunais Estaduais. Será mais prudente.(!!!)

Roberto J. Pugliese
www.pugliesegomes.com.br
Autor de Direito das Coisas, Leud
Membro da Academina Itanhaense de Letras.

( Fonte: Agência CNJ de Notícias )

Nenhum comentário:

Postar um comentário