sexta-feira, 14 de fevereiro de 2014

Água e esgoto em Paraty.


 
Paraty terá águas e esgotos sanitários privatizados.
Já está na hora. O centro urbano de Paraty, a tradicional cidade do sul do Estado do Rio de Janeiro terá serviço de água e esgoto, o que até a presente data é muito precário.
O centro urbano nos próximos anos receberá água tratada e logo terá o esgoto coletado e tratado.
Parece coincidência, mas bastou a família Marinho se deslocar da Angra dos Reis para Paraty para que estrutura mínima condizente à qualquer cidade, começa chegar também à Paraty.
O investimento será de R$ 85 milhões, nos primeiros quatro anos, e de R$ 145 milhões em 30 anos. A concessão Águas de Paraty é uma Parceria Público Privada (PPP), que contará com recursos próprios da concessionária, além de contraprestações públicas do município, do Fundo Estadual de Conservação Ambiental e Desenvolvimento Urbano (FECAM) e da Eletronuclear.
Todas as obras no centro histórico serão feitas de acordo com as diretrizes do Instituto do Patrimônio Histórico e Artístico Nacional (IPHAN).
A construção de um adequado sistema de esgotamento sanitário permitirá que o município se candidate ao título de Patrimônio Cultural da Humanidade pela UNESCO, pois dentre os critérios da entidade para a seleção e escolha de sítios urbanos, a existência de saneamento básico é fundamental.
Os bairros atendidos serão: Centro Histórico de Paraty, Pontal, Jabaquara, Caborê, Chácara da Saudade, Portão de Ferro, Chácara, Patitiba, Ilha das Cobras, Parque Mangueira, Ribeirinho, Portal das Artes, Fátima, Parque Imperial, Boa Vista, Fazenda Preta, Condado, Vila Isabel, Coriscão, Corisco, Caboclo, Olaria, Portão Vermelho, Bananal, Ponte Branca, Pedra Branca, Pantanal.
O Expresso Vida espera que a Parceria Pública Privado de certo e as obras e administração do serviço se realize a contento ao longo do tempo.
Roberto J. Pugliese
www.pugliesegomes.com.br

 
( Fonte =Agência Último Instante)

Nenhum comentário:

Postar um comentário