segunda-feira, 3 de março de 2014

O Piauí, o carnaval e a seca no sertão.


Cultura brasileira tem muito que mudar.

 

O Governado do Estado do Piaui não tem dinheiro para combater a falta de água no sertão, mas investe no carnaval.

 

O Diário Oficial de 25 de fevereiro publicou a assinatura de convênios que somam R$ 900 mil somente para a realização de festas de Carnaval na capital e interior do Piauí.

 

As verbas serão repassadas pela Fundação Cultural do Piauí (Fundac). O órgão explica que os recursos são de emendas de deputados. 


O maior dos convênios foi assinado com a Prefeitura de Floriano, Sul do Piauí, que receberá R$ 300 mil.

 

Até quando o brasileiro não saberá escolher os seus representantes e ficar enebriado com essas miçangas? É lamentável o que ocorre nessa Pindorama...

 

 

Roberto J. Pugliese


Presidente da Comissão de Direito Notarial e Registros Públicos –OAB-Sc

Sócio do Instituto dos Advogados  de Santa Catarina

 

 

 

( Fonte - Voz da ilha grande blogspot )


Nenhum comentário:

Postar um comentário