quinta-feira, 4 de dezembro de 2014

JEC rumo aos títulos !!!


Rumo à Tókio.

 

As piores dificuldades foram superadas. Com a garra de seu plantel, o profissionalismo de sua diretoria, o equilíbrio dos conselheiros e o apoio da maior torcida de Santa Catarina, o JEC adentrou aos quadros elitizados do futebol brasileiro.

 

Não foram fáceis os enfrentamentos nos campos e nos bastidores; nos tribunais desportivos ou nas relações comerciais e institucionais inerentes às  acirradas disputas que se deram nas divisões menores da CBF. Com objetivo e determinação, passo à passo o clube conquistou a região norte do Estado e angariando simpatia ultrapassou as barreiras, antes distantes e assustadoras, intransponíveis na visão menor, para levantar merecidamente a taça de campeão.

 

Foram anos de luta, união, solidariedade e confiança.

 

Agora o futebol catarinense está numa plana especial, considerado pela crítica especializada, o melhor do sul do país  superando  centros tradicionais. O JEC  está preparado para enfrentar o grande desafio e ser, pelo mérito e a força de sua camisa, mais outra vez  campeão.

 

Com mais de dois milhões de torcedores, é o único representante do polo mais industrializado de Santa Catarina, onde recursos financeiros superam o que os concorrentes diretos buscam com maiores dificuldades; tem nos seus quadros administrativos, profissionais dedicados, os quais, além da saliente competência de suas atividades, colocam também o coração para ajudar alcançar o resultado, facilitando atingir o êxito ao que se propõe.

 

Não se trata de soberba pretender repetir o feito que, nos últimos anos, a bem da verdade, tem se tornado rotina: ganhar, vencer, buscar o melhor.

 

Basta se programar. Planejar investimentos. Contratar profissionais dentro e fora de campo. Vender a imagem pelo preço de clube grande, de cidade grande, de quem nasceu para ser grande. Vender a imagem pelo preço de quem é grande.

 

Enfim, não será exagero, otimismo exagerado ou salto alto, preparar os passaportes, pois nesta batida ordenada, logo-logo, virá a Libertadores das Américas, a Copa Sul Americana e a Taça FIFA. Foi aberta a picada. Afinal, os dezenove futuros  adversários estão, como o tricolor de Joinville, tão aptos para todos os desafios e quem for o melhor, vencerá.

 

Viva o JEC- Campeão!

 

Roberto J. Pugliese
Presidente da Comissão de Direito Notarial e Registros Públicos da OAB-Sc.
Consultor Nacional da Comissão de Direito Notarial e Registrária do Conselho Federal da OAB. 

Nenhum comentário:

Postar um comentário