sábado, 21 de março de 2015

Edis bravos em Florianópolis.


Vereadores reclamam da verdade.


Parece que a Câmara dos Vereadores de Florianópolis está fora da realidade e não se importa de se encontrar bem longe dos interesses da sociedade.















Num escândalo inédito os vereadores aprovaram no apagar das luzes de 2014 o aumento de impostos municipais, aceitando manobras jurídicas e políticas engendradas pelo prefeito municipal.


A população esbravejou e tornou claro que não estava de acordo. Nem com a proposta do Poder Executivo e também com a aquiescência da edilidade que aprovou para que entrasse em vigência agora em 2015.

Mas a despeito de todas as manifestações os vereadores ignoraram o clamor da sociedade e de costas para seus eleitores por maioria os aumentos foram aprovados.


A ACIF, Associação Comercial e Industrial de Florianinópolis, sociedade representativa dos comerciantes e industriais da Capital foi às ruas e participou dos protestos. Inclusive bancou advogado para tentar obstruir a vigência dos aumentos no Poder Judiciário, porém foi em vão.


Os aumentos podem ter sido legais, mas são ilegítimos e distantes do querer do povo, motivo a ACIF estampou em cartazes espalhados pela cidade a foto dos vereadores que se ausentaram da votação ou que votaram a favor do projeto do prefeito. São outdoors que dão a devida publicidade aos autores para que ninguém fique no anonimato.


Esses vereadores não gostaram e estão esbravejando contra a entidade e em especial contra seu presidente. Assim desse modo, fica claro que estão envergonhados pelas ações e omissões que foram contrários aos interesses da população.


Demonstram que tem consciencia do que fizeram.


Aliás, trabalharem contra os interesses dos que os elegeram está se tornando prática costumeira pois,  recentemente aprovaram plano diretor igualmente bastante contrário aos interesses coletivos e é público e notório que muitos foram presos e estão sendo investigados e processados por agirem fora da lei.


Essa é a Camara de Vereadores da Capital do Estado que tenta descaracterizar as ações da sociedade e, de modo covarde, agride moralmente a centenária ACIF.


Lamentável.


Parece que não estão preparados para o elevado cargo que ocupam ou que desconhecem que a sociedade está cada vez mais politizada e nesse passo,  esses vereadores dificilmente serão novamente eleitos.


Enfim, estão bravos porque estão com suas fotos e nomes espalhados pela rua, sendo objeto de publicidade do que fizeram e lembrando os eleitores que eles é que foram responsáveis pelo aumento dos impostos municipais.


Roberto J. Pugliese
pugliese@pugliesegomes.com.br
Direitor de Opinião – ACIF Sul.
Autor de Terrenos de Marinha e Seus Acrescidos, 2009 - Letras Jurídicas.

Nenhum comentário:

Postar um comentário