sexta-feira, 6 de março de 2015

Nota de falecimento: Morreu Dr. Manoel Bonfim


Nota de Falecimento.


Com muita tristeza o Expresso Vida manifesta pezar pelo falecimento do professor Manoel Bonfim, advogado natural do Estado do Tocantins onde mantinha escritório.


O extinto faleceu dia 25 de fevereiro em acidente que se deu na BR 153 – Rodovida Bernardo Sayão,  próximo à cidade de Gurupi.


Profissional exemplar e engajado com a advocacia, atuou por três mandatos como conselheiro federal da OAB e como diretor-geral da Escola Nacional de Advocacia. Foi Conselheiro Seccional do Tocantins.

"Tratava-se de um dos colegas mais gentis e prestativos. Nunca ouvi do Dr. Manoel uma palavra que não fosse de amizade e incentivo. Certamente hoje é um dia de luto verdadeiro, não só para os familiares, mas também para seus alunos e colegas de trabalho.Perdemos um bom homem, um querido colega, um lutador", disse Marcus Vinicius, presidente do Conselho Federal da OAB.

Professor Bonfim, como era conhecido, teve atuação destacada na OAB Nacional, participando de comissões diversas, como Defesa e Aprimoramento do Poder Judiciário, Direito Eleitoral e Reforma Política e Elaboração do Selo OAB. Entre 2010 e 2012, foi diretor-geral da ENA. Na Seccional de Tocantins, atuou como secretário-geral entre 2001 e 2003.

O ilustre professor da Faculdade de Direito de Gurupi foi conduzido a participar da OAB pelo então presidente da subsecção Roberto J. Pugliese em 1993.

A advocacia brasileira tem uma perda irreparável.

 

Roberto J. Pugliese
Autor de Direito das Coisas, Leud, 2005. 

Nenhum comentário:

Postar um comentário