sábado, 7 de novembro de 2015

TRAGÉDIA QUE SE AVIZINHA. Aguardem.


PROSPECÇÃO SÍSMICA –

 

A Agencia Nacional de Petróleo já declaraou que a margem equatorial brasileira é altamente promissora de gás natural e biocombustíveis.

A empresa francesa CGG já anunciou que o mês de novembro dará início ao levantamento sísmico na Bacia de Barreirinhas, no litoral do Maranhão. Com base em Itaqui, a empresa irá começar os bombardeios para apuração da existência de petróleo em camadas bem profundas.

O resultado negativo é que essa experiência espanta cardumes peixes por gerações. Torna o litoral vasio sem condições de pesca. E os pescadores artesanais que vivem e pescam na região costeira é a classe profissional que mais sofre.


De acordo com a companhia, o Instituto Brasileiro do Meio Ambiente e dos Recursos Naturais Renováveis (Ibama) já concedeu todas as licenças necessárias para se iniciar a primeira campanha de aquisição sísmica regional em banda larga da Bacia de Barreirinhas.

A Bacia de Barreirinhas localiza-se na margem equatorial brasileira, cobrindo parte da costa do Estado do Maranhão e a plataforma continental adjacente. Trata-se de uma depressão limitada, a noroeste, pela Plataforma de Ilha de Santana, e a leste pelo Alto de Tutóia. Sua área total é de aproximadamente 40.000 km2 , sendo 10.000 km2 de área terrestre e 30.000 km2 de área marítima.





 

 

Logo logo, será notícia, vale aguardar, a tragédia ecológica que haverá na costa indicada, inclusive com resultados econômicos lamentáveis, pondo em risco a vida dos pescadores e suas famílias.


Roberto J. Pugliese
www.pugliesegomes.com.br
cidadão Cananeense.
Autor de Direito das Coisas, 2005. Leud

Nenhum comentário:

Postar um comentário