domingo, 5 de julho de 2020

30º aniversário da ESA -

Expresso Vida convida seus ilustrados leitores para a Sessão Comemorativa do 30º aniversário da Escola Superior da Advocacia.

Vivemos tempos difíceis.
Muitas agressões e tentativas à ruptura do estado democrático de direito levam a atos diversos contrários à defesa da Ordem dos Advogados do Brasil.

Aos advogados individualmente e à Ordem cabem, sem qualquer excessão, a defesa do direito e da justiça, bem assim, à ordem jurídica e política, motivo que se torna ilegalidade e violação ética, manifestarem-se os inscritos na OAB, contra o direito expresso na Constituição Federal e nas regras expressas pelo estatuto da Ordem.

Atacar o exercício da profissão de advogados ou enfraquecer sua atuação, bem assim, enfraquecer a OAB restringindo-lhe a liberdade e os meios de seu exercício estatutário e legal, são atitudes próprias dos que buscam sem pudor o retorno aos tempos ditatorias.

Estejamos todos, sem excessão, todos os brasileiros atentos aos tempos que vislumbramos no turvo horizonte político para o qual estamos caminhando. 

A Ordem não é uma associação. É um dos raros institutos constitucionais expressos na Maga Carta, para defesa do país e seus habitantes.

É bem oportuno a sessão comemorativa.

Roberto J. Pugliese
advogado remido
secretário adjunto da Comissão de Direito Notarial e Registral  do Conselho Federal da OAB

Nenhum comentário:

Postar um comentário