sexta-feira, 23 de setembro de 2011

Honorários não são gorgetas - www.aasp.org.br

A Associação dos Advogados de São Paulo e a Associação dos Advogados do Ceará, lançam campanha importante para a classe dos Advogados... Honorários não são gorgetas.

Ceará e São Paulo juntos pela melhoria dos honorários advocatícios
O presidente da Associação dos Advogados de São Paulo - AASP, Arystóbulo de Oliveira Freitas, lança hoje, sexta-feira, 23/9, em Fortaleza - Ceará, a campanha “Honorários não são Gorjeta”. O convite para o lançamento da campanha naquele estado foi feito pelo presidente da Associação dos Advogados do Estado do Ceará (AACE), Hélio Winston, que, ao lado de sua diretoria, visitou recentemente a sede da AASP.

Durante sua estada em Fortaleza, o presidente da AASP também visitará diversos veículos de comunicação com o objetivo de difundir a campanha. A agenda de visitas à mídia local foi organizada pela AACE.

A campanha “Honorários não são gorjeta”, que foi lançada em junho deste ano pela AASP com o objetivo de reverter a redução e a ínfima fixação de verbas sucumbenciais, já obteve inúmeras vitórias. A principal delas foi a menção da campanha em acórdão de relatoria da ministra Nancy Andrighi, do STJ, julgado no dia 18/8, quando foi revertida a fixação dos honorários de sucumbência, antes fixados em “quantia aviltante”. O acórdão reconheceu a relevância da “irresignação dos causídicos quanto aos critérios adotados pelos tribunais para a fixação dos honorários de sucumbência” e fez alusão explícita à campanha. A decisão foi acompanhada pelos ministros Massami Uyeda, Paulo de Tarso Sanseverino e Ricardo Villas Bôas Cueva.

Outro sucesso da campanha foi o curso Honorários Advocatícios, realizado entre os dias 22 e 25 de agosto. O evento foi acompanhado por cerca de 1.200 pessoas pela internet ou telepresencialmente, em 18 Estados da Federação, na Grande São Paulo e na Capital paulista, além das advogadas e advogados presentes na sede da Associação.

O lançamento da campanha “Honorários não são gorjeta” em Fortaleza acontecerá no salão de eventos do restaurante Spettus Steak House (Shopping Salinas), a partir do meio-dia, durante palestra a ser ministrada pelo presidente da AASP.

Para o presidente da AACE, Hélio Winston, é preciso unir a classe em torno da defesa da questão dos honorários de sucumbência, problema que atinge a maioria dos advogados que estão na ativa. “Muitas vezes os advogados passam longos anos de trabalho árduo para conseguir uma vitória na Justiça e, quando isso acontece, é estipulado um valor de honorários não compatível com o trabalho realizado”, afirma.

O espaço no site da AASP continua à disposição para que advogadas e advogados registrem suas reclamações sobre problemas com o arbitramento de honorários.

Nenhum comentário:

Postar um comentário