quarta-feira, 23 de julho de 2014

Rubens Alves, adeus !


Nota de falecimento.

 

O Expresso Vida participa e registra publicamente o falecimento de Rubens Alves.

 

Na manhã de 19 de julho de 2014, faleceu em Campinas, Sp,  aos 80 anos, o escritor Rubem Alves que estava  internado na UTI do Hospital Centro Médico de Campinas desde o dia 10 de julho. Rubem enfrentava problemas de insuficiência respiratória causada por pneumonia e morreu por falência múltipla dos órgãos.

 

Rubem Alves era escritor, psicanalista, educador, teólogo e um dos maiores pensadores contemporâneos da educação no Brasil. Casado com Lidia Nopper Alves, o escritor deixa três filhos.

Mineiro da cidade de Dores da Boa Esperança, Rubem nasceu em 1933 e ficou conhecido principalmente pelo papel de defensor da educação brasileira e pela publicação de seus livros infantis.

Estudou no seminário Presbiteriano do Sul e foi até pastor em uma pequena cidade de Minas Gerais. Sua formação religiosa fez com que militasse a favor de melhores condições de vida durante a ditadura militar, ficando exilado nos Estados Unidos até 1968.

 

De volta ao Brasil, estudou na Faculdade de Filosofia de Rio Claro. Mas foi na Filosofia da Universidade Estadual de Campinas, a Unicamp, onde lecionou até se aposentar na década de 1990. Também cursou psicanálise nos anos 1980 e abriu sua própria clínica, onde trabalhou até 2004.

A Camara Municipal de Campinas recebeu o corpo e realizou o velório.

Consternado o Expresso Vida deixa a público o sentimento pela grande perda das letras e ciência brasileira.

Roberto J. Pugliese
titular da cadeira nº 35 da Academia São José de Letras.

Nenhum comentário:

Postar um comentário