terça-feira, 27 de dezembro de 2011

Cooperostra sofre ação demolitória em Cananéia -SP



Ao lado, placa da inauguração da estação depuradora de ostras, na estrada municipal José Herculano Rosa, à beira do Mar Pequeno ou Mar de Irariaia, em Cananéia.


Diversas autoridades, após regular aprovação pelos órgãos públicos competentes, estiveram presentes no ato.


Foi em 1999.


Agora o Ministério Publico do Estado de São Paulo, entende que a construção está violando e agredindo a natureza, motivo que abriu procedimento para pedir a demolição do prédio e restauração da flora local.


O MP do Estado de São Paulo está promovendo diversas ações demolitórias na região, ignorando o histórico de construções simples e humildes de caiçaras naturais da região e de empreendimentos hoteleiros que geram turismo e emprego.


Lamentável o procedimento do MP SP.


Roberto J. Pugliese

Nenhum comentário:

Postar um comentário