segunda-feira, 11 de fevereiro de 2013

POEMA SIMPLES !

Vida

Cocaína mata;
Batida de carro mata;
A vida mal vivida mata;
A bebida envenenada mata;
O pulo do prédio mata;
A saudade em demasia mata;
O policial corrupto mata;
O torcedor fanático mata;
O sorriso mata;
A esperança morre;
O paciente terminal morre;
À noite mal dormida morre;
O herói da vida real morre;
A beleza também morre;
Porém o que não morre dentro de mim
É a eterna vontade de estar junto de você!


(Alex S. Domingos)
Pela beleza do tema o Expresso Vida brinda seus distintos leitores com o poema Vida.
Roberto J. Pugliese
Autor de Direito das Coisas, Leud
Sócio de Pugliese e Gomes Advocacia
Membro da Academia Itanhaense de Letras.


Nenhum comentário:

Postar um comentário